(31) 3332-0875
Blog

7 coisas que só quem estuda a distância entende

7 coisas que só quem estuda a distância entende

Data da Publicação:

 

Estudar a distância é uma oportunidade para quem tem a rotina atribulada e de outra forma não iria se graduar ou conseguir obter a especialização.

Ao assumir essa decisão em sua carreira, o aluno deve estar ciente que deverá se dedicar e estudar bastante para conseguir colocar as matérias em dia.

Outra característica que o aluno a distância deve obrigatoriamente ter, é o compromisso, pois caso contrário, ele apenas estará desperdiçando recursos como tempo e dinheiro.

Durante a realização do curso, o aluno desenvolve características nos âmbitos pessoais e profissionais que serão levados para a toda a vida.

Veja agora 7 situações que só quem estuda a distância entende.

1. Sentir dúvida na hora de entregar algum trabalho

Os primeiros trabalhos serão sempre os mais complicados. Isso porque para muitos alunos, iniciar um curso no aspecto de graduação ou pós-graduação é algo novo, e também porque a própria modalidade a distância é desconhecida.

Nesse momento, o que o aluno não pode ter, é vergonha!

Pergunte ao atendimento do seu campus, faça algum tipo de contato, pergunte aos demais alunos e ao seu professor, o que não pode nesse momento é continuar na dúvida.

2. Não conseguir acessar o AVA

O AVA é o Ambiente Virtual de Aprendizagem. Geralmente, nos cursos a distância os trabalhos e atividade avaliativas são entregues no AVA.

Em algumas situações porém, como o último dia de entrega de atividades ou a véspera, o sistema pode ficar lento e em alguns casos, ficar inacessível.

Sim! Na faculdade também existem os alunos que deixam os trabalhos para a postagem em última hora e assumem o risco de não entregar por imprevistos.

3. Ser questionado sobre a escolha da modalidade

Um diferencial que temos aqui entre o ensino a distância e o presencial, é que no último caso, o aluno não é questionado frequentemente sobre as motivações de fazer um curso presencial.

No ensino a distância por outro lado, essas palavras são ouvidas diariamente, principalmente quando o aluno comunica a alguém a sua escolha.

O que muitas pessoas não entendem, é que o aluno EAD tem a flexibilidade de estudar quando e onde quiserem, além de economizarem nos gastos com transporte e alimentação e isso já conta muito, né?

4. Ouvir que o EAD é para preguiçosos

Há um mito gigante que foi criado sobre o aluno do ensino a distância. É comum escutar que o EAD é mais fácil, por isso as pessoas optam por essa modalidade.

Esse pensamento está muito equivocado. O aluno do EAD se esforça tanto quanto o aluno do presencial, em algumas situações até mais.

A pessoa que escolhe essa modalidade tem que conseguir conciliar os estudos com as atividades do dia a dia e se planejar sozinho para acompanhar as matérias. Não tem professores para ficar semanalmente dando alertas sobre prazos de atividades e datas de prova. Comunique isso ao resto do mundo!

5. Planejar os conteúdos e acabar deixando boa parte pras últimas semanas

Isso é normal a todo o aluno. Conhecer as datas com antecedência e deixar para realizar tudo nas últimas semanas, quem nunca?

Os alunos do ensino a distância recebem um calendário com todos os agendamentos de provas, trabalhos e atividades que serão realizadas durante o semestre. À partir dessas datas o aluno deve se programar para estudar as matérias e se sair bem nas provas.

Porém, nem sempre o planejamento é seguido a risca e algumas matérias são acumuladas, O resultado disso é um estudante ficando muito mais horas para tentar aprender o conteúdo antes de realizar as avaliações.

6. Participação ativa de fóruns

Os cursos no ensino a distância possuem fóruns, ou seja, salas de discussão sobre determinados assuntos. É o mesmo debate que acontece nas aulas presenciais.

A participação ativa nesses fóruns permite aos alunos uma aproximação maior um do outro, além do desenvolvimento de ideias e montagem de projetos.

Os fóruns também são o canal onde aluno e professor interagem de forma mais direta. Participar deste momento é muito importante para a aprendizagem do aluno, além de valer parte da nota.

7. Ser questionado se estudar a distância vale a pena

Caso você seja uma aluno EAD e não tenha sido questionado sobre esse tipo de ensino, em perguntas como se vale a pena, se o diploma é válido entre outras, você está estudando a distância errado.

Isso porque é muito comum a todos os alunos ouvirem esse questionamento. Caso você que esteja lendo tenha essa dúvida, este é o momento de você finalmente ter a sua resposta!

Sim, o ensino a distância vale a pena! A dúvida sobre o diploma é fácil de ser respondida, já que não existe nenhuma diferença entre um diploma presencial ou de faculdade EAD. O mesmo diploma é oferecido por ambas as modalidades.

A matéria ensinada possui fundamento, até porque todo curso de graduação é submetido a avaliações rígidas do MEC (Ministério da Educação e Cultura) antes de ser aprovado.

Questões como corpo docente, infraestrutura, materiais e conteúdos são avaliados e fiscalizados para melhorias de tempos em tempos.

Outra vantagem no caso da escolha dessa modalidade, é que o conteúdo fica disponível. Assim você pode rever a aula quantas vezes quiser e caso tenha dificuldades pode rever pontos específicos.

Caso você seja aluno do ensino a distância, deixe seu comentário abaixo e nos conte as suas experiências que só quem é do EAD tem vivência.