(31) 3332-0875
Blog

10 coisas que acontecem quando você faz um curso a

Data da Publicação:

 

O EAD é a modalidade de ensino que conta com o aprendizado do aluno de forma remota, através de tecnologias de aprendizado, ou seja, sem que haja necessidade de frequentar um local específico, no horário indicado para acesso às aulas.

As aulas podem ser acessadas através do AVA (Ambiente Virtual de Aprendizagem), onde são disponibilizados materiais para instruir e guiar o aluno durante o semestre. Você poderá encontrar videoaulas e outros materiais online, como apostilas e livros.

Quem se dispõe a estudar por esta modalidade, até o final do curso, passará pelas situações descritas a seguir:

1. Estudar de pijama

Estudar de pijama é muito comum para o aluno EAD. Depois de um dia cansativo de trabalho ou antes de sair de casa, muitas vezes são os momentos em que alguns alunos do EAD estão disponíveis para estudar. Sendo assim, estudar de pijama é algo comum.

Por não terem a obrigatoriedade de sair de sua residência para estudar, os alunos não se preocupam em trocar de roupa ou se arrumarem.

2. Economiza com os gastos mensais

A economia é uma das características oferecidas pelo EAD que mais chama a atenção. É certo que quando você faz um curso a distância, terá o momento em que você colocará na ponta do lápis os gastos que teria caso estudasse no presencial e vai ficar muito feliz com a economia realizada.

Isso acontece, porque os valores do ensino a distância podem chegar a ser 50% mais em conta do que o ensino presencial.

O curso a distância não te cobra uma mensalidade alta, já que a instituição não terá tantos gastos com professores e infraestrutura do prédio. Por não necessitar de tantas salas de aula, acaba que a mensalidade pode ser mais baixa.

Outras economias feitas são referentes a alimentação e o transporte. Ao estudar no presencial, os gastos vão além da mensalidade, afinal, é necessário que você chega ao local de alguma forma.

Somar e ver a economia realizada na graduação a distância é um grande motivador a prosseguir e se empenhar nos estudos.

3. Acharem que você está atoa no momento de estudo

Uma reclamação comumente feita pelos alunos que estudam a distância, é o fato das demais pessoas que moram na mesma casa, não entenderem que o aluno estuda, ainda que seja de casa.

Por esse motivo, ficam conversando, pedindo favores e em alguns casos chegam a considerar como se o aluno realmente não estivesse fazendo nada.

Em algum momento essa confusão referente a você estar em casa, no computador estudando, com a ideia de estar à toa irá acontecer.

Deixamos aqui uma dica para essa situação: seja sincero e converse com as pessoas da sua casa. Explique a situação, e diga que você precisa estar focado em alguns momentos e que essas pequenas interrupções comprometem o seu aprendizado.

A situação poderá se repetir, mas será com menos frequência, até o dia em que não ocorrerá mais, pois vão entender que oferecer este espaço para que você estude é necessário.

4. Ser questionado sobre a validade do curso

Quando estamos fazendo o curso de graduação, as pessoas demonstram bastante interesse e as perguntas como: "qual curso você faz?" e "onde você estuda?" em algum momento irão aparecer.

Neste cenário, também acontecerá questionamentos sobre a validade do curso e aquela história de: "cursos EAD são menos valorizados" ou que "esses profissionais estarão menos preparados".

5. Ter dúvidas se o EAD foi a melhor opção

Os questionamentos anteriores podem fazer com que surja aquela dúvida sobre a sua escolha: estudar pelo EAD foi a melhor opção?

Quando os valores são somados, além do desgaste de ter que se locomover pela cidade, é mais fácil perceber que você tomou a melhor decisão para as suas necessidades.

6. Sentir preguiça nos dias de visita ao polo

Nem só de flores e felicidade a distância vive o aluno EAD. Algumas vezes durante o semestre, será necessário frequentar as aulas presenciais.

É certo que neste momento vai dar aquela preguicinha, porém esses encontros são extremamente necessários.

Geralmente, são tiradas dúvidas, além de que você conseguirá falar diretamente com o professor.

7. Aguardar ansiosamente para ver o professor

Por falar em professor, o encontro com ele será um momento de realização e alegria. Seja por videochamada ou presencial, o contato direto com o professor traz calma para o coração.

Este é o momento em que você poderá tirar as dúvidas que foram surgindo nos momentos em que estava estudando.

Uma dica aqui: deixe as suas dúvidas anotadas para que este momento possa ser mais produtivo e faça com que o encontro seja bem proveitoso.

8. Ficar com raiva quando o sistema da faculdade cai

O EAD não é um sistema perfeito (ainda). O grande acesso de alunos de uma única vez faz com que o sistema fique lento ou até mesmo caia, impedindo que você consiga acessar os conteúdos ou subir trabalhos.

A parte boa é que este problema é resolvido de forma rápida ou no caso de entregas, a instituição costuma dar prazos para que os acessos e postagens no sistema sejam feitos.

9. Virar a noite estudando

Quem opta pelo EAD de modo geral, tem uma rotina muito atribulada e por essa razão, não consegue em alguns casos estudar no horário indicado pelo cronograma.

Para compensar o tempo perdido, o aluno acaba optando por virar a noite estudando e vendo as matérias. Uma rotina normal para qualquer aluno.

10. Adquirir um foco fora do comum

O EAD faz com que os alunos desenvolvam muitas características, mas a que mais chama atenção é o foco.

Para que o aluno consiga se graduar através dessa modalidade, é necessário ter muito foco e disciplina.

Ainda após a graduação, acontece dos alunos EAD continuarem a ter mais foco nas atividades diárias.

Sejam diferentes ou apenas curiosos, os alunos do Ensino a distância passam por diversas situações até a sua formatura, mas quando acaba, sentem saudade.

Seja você também é um aluno EAD, gradue-se no seu ritmo, com uma equipe profissional qualificada para o seu atendimento da melhor forma.